NEW WAYS OF WORKING

SITUAÇÃO ATUAL DAS EMPRESAS FACE AO CONTEXTO DE PANDEMIA

 

SITUAÇÃO ATUAL DAS EMPRESAS FACE AO CONTEXTO DE PANDEMIA

 
36

%


DAS ÁREAS COMO AS OPERAÇÕES CONTINUARAM A TRABALHAR PRESENCIALMENTE, MANTENDO ATIVIDADE NORMAL

NENHUMA EMPRESA REFERENCIOU ESTAR EM ATIVIDADE NORMAL SEM TELETRABALHO

QUAL A % DE COLABORADORES A TRABALHAR REMOTAMENTE

 

QUAL O NÍVEL DE PREPARAÇÃO DAS EMPRESAS PARA O TRABALHO À DISTÂNCIA E
GESTÃO DE EQUIPAS REMOTAS ANTES DA PANDEMIA

 
47

%


DAS EMPRESAS PARTICIPANTES TÊM MAIS DE 60% DOS SEUS COLABORADORES A TRABALHAR REMOTAMENTE

52

%


JÁ TINHAM EXPERIÊNCIA DE TRABALHO REMOTO (1 VEZ POR SEMANA) E TINHAM IMPLEMENTADOS

15

%


NÃO TINHAM EXPERIÊNCIA DE TELETRABALHO E TINHAM NECESSIDADE DE MELHORAR ACESSOS REMOTOS E ADQUIRIR MAIS EQUIPAMENTOS PORTÁTEIS

33

%


DIFICULDADE DE MONITORIZAÇÃO DA PRODUTIVIDADE E GESTÃO DE EQUIPAS À DISTÂNCIA

QUAL A CAPACIDADE DE ADAPTAÇÃO PARA O TRABALHO À DISTÂNCIA E
GESTÃO DE EQUIPAS REMOTAS DURANTE A PANDEMIA

DOS COLABORADORES:

 

 

QUAL A CAPACIDADE DE ADAPTAÇÃO PARA O TRABALHO À DISTÂNCIA E
GESTÃO DE EQUIPAS REMOTAS DURANTE A PANDEMIA

DAS EMPRESAS:

 

 

ANTES DA PANDEMIA, APENAS 52% DAS EMPRESAS CONSIDERAVAM TER UM NÍVEL DE PREPARAÇÃO ELEVADO PARA O TRABALHO À DISTÂNCIA E GESTÃO DE EQUIPAS REMOTAS.

DURANTE A PANDEMIA, MAIS DE 90% DEMONSTROU UMA CAPACIDADE DE ADAPTAÇÃO ELEVADA.

IMPACTO DO TRABALHO À DISTÂNCIA NA PERFORMANCE DO NEGÓCIO E
NA PRODUTIVIDADE DOS COLABORADORES

 

IMPACTO DO TRABALHO À DISTÂNCIA NA PERFORMANCE DO NEGÓCIO

 

IMPACTO NEGATIVO
• QUEBRA GERAL NO NEGÓCIO
• WORK-LIFE BALANCE EM PARTICULAR NO CASO DE COLABORADORES COM FILHOS
• VOLUME DE TRABALHO MAIS INTENSO

 

IMPACTO POSITIVO
• NA GESTÃO DE TEMPO E NA PRODUTIVIDADE
• INCREMENTO DA CONFIANÇA E DA RESPONSABILIDADE
• MAIOR INVESTIMENTO EM FERRAMENTAS DE COMUNICAÇÃO INTERNA
• RÁPIDA ADAPTAÇÃO DOS NEGÓCIOS À ERA DIGITAL

 

IMPACTO DO TRABALHO À DISTÂNCIA
NA PERFORMANCE DOS COLABORADORES

 

TEMÁTICAS DE RH COM MAIOR FACILIDADE E MAIOR DIFICULDADE
EM GERIR REMOTAMENTE

MAIOR FACILIDADE:
▪ COMPENSAÇÃO E BENEFÍCIOS
▪ COMUNICAÇÃO INTERNA
▪ OPERAÇÕES RH

 

MAIOR DIFICULDADE:
▪ ACOLHIMENTO E INTEGRAÇÃO
▪ ENGAGEMENT / COLABORAÇÃO E TEAM BUILDING
▪ ATRAÇÃO E RECRUTAMENTO

 

TEMÁTICAS DE RH COM MAIOR FACILIDADE E MAIOR DIFICULDADE
EM GERIR REMOTAMENTE

 

FERRAMENTAS DIGITAIS MAIS UTILIZADAS NA COLABORAÇÃO ENTRE
DIFERENTES PESSOAS/ EQUIPAS/STAKEHOLDERS

 

QUAIS AS ÁREAS DE MAIOR NECESSIDADE DE
INVESTIMENTO EM SOLUÇÕES DIGITAIS DE RH

 

QUAIS AS ÁREAS DE MAIOR NECESSIDADE DE
INVESTIMENTO EM SOLUÇÕES DIGITAIS DE RH

 

COMPETÊNCIA MAIS CRÍTICAS PARA
SE TER SUCESSO NESTE NOVO CONTEXT

 

% DE COLABORADORES DA SUA EMPRESA EM TELETRABALHO NUM
CENÁRIO PÓS-PANDEMIA
(DAQUI A 1 ANO)

 

NO CENÁRIO DURANTE A PANDEMIA,
SUBIU 8 P.P. NO RANKING DAS COMPETÊNCIAS MAIS CRÍTICAS

 

APESAR DA RÁPIDA ADAPTAÇÃO AO NOVO CONTEXTO, QUASE 60% DAS EMPRESAS CONSIDERA QUE NUM CENÁRIO PÓSPANDEMIAIRÁ MANTER MENOS DE 20% DOS COLABORADORES EM TELETRABALHO

 

O RELATÓRIO GLOBAL TEM AINDA MAIS INFORMAÇÃO DE DETALHE NAS SEGUINTES VERTENTES:

NEW WAYS OF WORKING

PERSPETIVA SOBRE A TRANSFORMAÇÃO E GESTÃO DE TALENTO, NA ERA DIGITAL

PERSPETIVA SOBRE OS RECURSOS HUMANOS NAS ORGANIZAÇÕES

PERSPETIVA SOBRE A EVOLUÇÃO NA GESTÃO DE TALENTO EM PORTUGAL

A sua experiência é semelhante à dos resultados deste estudo?

Entraremos em contacto para lhe dar apoio na análise dos desafios atuais da sua organização


      *Campo Preenchimento Obrigatório

Todos os direitos reservados a Neves de Almeida | 2020